OAB Parnaíba reclama ao TRT da falta de oficiais de justiça. Meton apresenta solução paliativa

Advogado Ricardo Mazulo

Advogado Ricardo Mazulo, presidente da OAB

O desembargador Francisco Meton Marques de Lima, presidente do TRT da 22ª Região respondeu ofício do presidente da Ordem dos Advogados do Brasil, Subseção de Parnaíba, cobrando soluções para a falta de oficiais de justiça e demais servidores na Vara do Trabalho de Parnaíba. Francisco Meton disse que no momento não há condições de atender a reivindicação da entidade representativa dos advogados, e apresentou várias justificativas.

Desembargador Francisco Meton, presidente do TRT da 22ª Região

Desembargador Francisco Meton, presidente do TRT da 22ª Região

Ele disse que o TRT que preside está passando por grandes dificuldades devido à escassez de servidores, mas relatou providências para amenizar o problema, até que medidas definitivas sejam postas em prática, beneficiando todas as varas.

O presidente do TRT informou que está promovendo concursos de remoção de servidores; Lotação de servidores nomeados do último concurso; requisição de servidores dos municípios e do Estado do Piauí, bem como de outros tribunais; designações, pontuais e temporárias, de oficiais de justiça de uma vara para outra, a fim de atender ao acúmulo excepcional de serviços, como ocorreu entre as Varas Federais do Trabalho de Piripiri e Parnaíba, segundo Francisco Meton.

Veja, na íntegra, a resposta do desembargador Francisco Meton, presidente do TRT da 22ª Região, a ofício da OAB Parnaíba. Clique aqui

F. Carvalho, do http://www.a24horas.com

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s